segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Belezas Irlandesas

Para variar, hoje não estou a fim de rabujar. Nem falar muito eu vou... apenas algumas palavras chaves e uma tradução não oficial: beleza de moça Irlandesa, belo Pint de Guiness sobre o piano, uma belíssima música, muito bem escrita e cantada pela voz maravilhosa de Lisa Hannigan!


...


Senta aí "rabuje"! eu sei que é complicado quando você está se sentindo meio triste, quando você sente que teu sabor está ficando parecido com o de um pistache vencido, sei que está cansado, não aguenta mais teu próprio peso, suas botas estão amarradas com os cadarços de melancolia, tuas próprias noções.
Eu, como o açucar, fico frágil e grudento quando cozido, e sei que meu comportamento pode ficar como uma fotografia esquecida ao sol, e tento me manter em lírios e sementes de linho, que bobagem! você está se enganando apenas a si próprio.
Sente-se e esvaia-se, eu não criticaria enquanto não estivesse em seus sapatos, veja enquanto nossa sutiliza desaparece como um rubor dando lugar a um hematoma, mas respeitosamente, por vontade própria, nos faríamos uma troca, um fungo para aliviar o peso e trocar as botas por sapatos vermelhos...

Sim, as palavras usadas originalmente são muito mais bonitas. Só tentei usar a tradução mais literal para não perder o sentido... mesmo assim, alguns sentidos sempre se perdem, por isso use os seus, veja e ouça a Lisa cantar. Faz bem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário